Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 07 de junho de 2019.
Dia da Liberdade de Imprensa.

Jornal do Comércio

Esportes

CORRIGIR

Campeonato Brasileiro

07/06/2019 - 22h51min. Alterada em 07/06 às 22h51min

Internacional perde para o Vasco da Gama no Rio de Janeiro

Internacional segue sem vencer fora de casa no certame nacional

Internacional segue sem vencer fora de casa no certame nacional


RICARDO DUARTE/INTER/DIVULGAÇÃO/JC
Estadão Conteúdo
O Vasco enfim desencantou sob o comando de Vanderlei Luxemburgo. O clube carioca conquistou a primeira vitória no Campeonato Brasileiro ao derrotar o Internacional pelo placar de 2 a 1, em partida realizada na noite desta sexta-feira, no Estádio São Januário, na abertura da oitava rodada.
Apesar da vitória, o Vasco continua na zona de rebaixamento, com seis pontos, mas deixou provisoriamente a lanterna. O Inter, por outro lado, perdeu a oportunidade de entrar no G-4 e se aproximar do líder Palmeiras. O time gaúcho ficou estacionado com 13 pontos.
O Vasco fez um grande primeiro tempo. Com a exceção do gol perdido dentro da área por Uendel, logo no início de jogo, o time carioca dominou do início ao fim e criou as melhores oportunidades. Em um arremate de longe de Rossi, Marcelo Lomba fez grande defesa.
A equipe comandada por Vanderlei Luxemburgo ainda desperdiçou grande chance com Tiago Reis. O atacante recebeu livre de Rossi, mas cabeceou para fora. A bola foi entrar apenas aos 43 minutos. Andrey aproveitou a sobra na entrada da área e pegou de primeira para inaugurar o marcador.
O segundo saiu quatro minutos depois. Após cobrança de falta de Danilo Barcelos, a bola voltou na cabeça de Tiago Reis. Ele só teve o trabalho de empurrar para o gol, tirando qualquer possibilidade do Inter reagir ainda na etapa inicial.
Mas, no segundo tempo, a equipe gaúcha apertou o passo e precisou de apenas dez minutos para diminuir. Nico López fez grande jogada e cruzou para Victor Cuesta. O zagueiro não alcançou e viu a bola ficar com Emerson Santos. O defensor acertou belo chute cruzado para diminuir em São Januário.
Após o gol, o Inter saiu para o abafa em cima do Vasco. Jonatan Alvez chegou a marcar, mas o árbitro anulou, pegando impedimento do atleta. Nonato e Patrick também perderam boas oportunidades de empatar.
O final do jogo foi de ataque contra defesa. O Vasco se colocou com os 11 homens atrás do meio de campo e conseguiu segurar a equipe do Inter para conquistar sua primeira vitória no Brasileirão.
Antes da parada da Copa América, o Inter enfrenta o Bahia na quarta-feira, às 21h30, no Estádio Beira Rio, em Porto Alegre. No dia seguinte, o Vasco recebe o Ceará, às 19h15, em São Januário, no Rio de Janeiro.
Vasco da Gama 2 x 1 Internacional
Fernando Miguel; Yago Pikachu, Oswaldo Henríquez, Ricardo Graça e Danilo Barcelos; Andrey (Fellipe Bastos), Raul e Marcos Júnior; Tiago Reis (Jairinho), Marrony e Rossi (Bruno César). Técnico: Vanderlei Luxemburgo.
Marcelo Lomba; Zeca, Emerson Santos, Victor Cuesta e Uendel; Rodrigo Lindoso, Edenilson (Patrick) e Nonato; Nico López (Sarrafiore), Rafael Sobis e Guilherme Parede (Jonatan Álvez). Técnica: Odair Hellmann.
Árbitro: Heber Roberto Lopes (SC).
CORRIGIR